segunda-feira, 13 de julho de 2009

Us Weekly diz que Michael Jackson não curtia o Justin Timberlake



Começou a onda de "revelações" sobre Michael Jackson. A Us Weekly tem várias bombas - desde histórias sobre a relação do cantor com Debbie Rowe (a mãe de dois dos filhos dele) até uma suposta adoração que o Rei do Pop teria pelos nazistas. Mas a grande bomba é: Jacko não gostava de Justin Timberlake. Diz a publicação:

"Apesar de Justin ter louvado Jackson como inspiração depois da morte, o afeto não era mútuo. Quando esteve em Nova York em 2001 para participar do show de Jackson, Timberlake o irritou ao 'transar aos gritos' com a então namorada no hotel onde todos estavam hospedados. 'O andar todo escutou eles!', disse uma fonte. Michael acabou mandando sua equipe de seguranças para acalmar o casal apaixonado. Para ajudar no ressentimento, o popstar mais velho rejeitou as canções que o produtor Pharell Williams havia feito para ele - só para vê-las mais tarde gravadas por Timberlake em seu primeiro disco solo, Justified."


Aliás, a LaToya agora também acha que Michael foi assassinado. O pai deles, Joe, também acha. Será?

Por falar em Joe, ele continua dando "boas" declarações. Recentemente perguntaram se é verdade que ele batia no Michael. A resposta: "Nunca bati nele. Eu o chicoteava com um cinto." OK, então!

Nenhum comentário: