terça-feira, 2 de junho de 2009

Popload Gig: reserve o fim de semana!



O fim de semana tem um evento imperdível: o Popload Gig. Organizado pelo jornalista/DJ/blogueiro/faz-tudo Lúcio Ribeiro, o festival vai ter shows de Holger, No Age e Matt & Kim (no sábado, primeira noite) mais Mickey Gang e The View (no domingo). Troquei uma ideia com o Lúcio - via MSN - sobre isso tudo.

Desde quando você tem essa ideia de fazer um festival? E por que nunca fez antes?

A idéia eu tenho há alguns anos, poucos, quando achei que tinha que chegar mais longe do que a minha escrita proporcionava. Me arrisquei a ser DJ exatamente para tocar as músicas sobre as quais escrevia. Então veio natural essa coisa de fazer shows/festivais para mostrar as bandas sobre as quais eu falo. Algumas delas, óbvio. Só não veio antes porque a parte organizacional de fazer um festival ou trazer uma banda de fora, tipo negociação, visto, arrumar clube, cuidar de vistos, é um verdadeiro INFERNO. Mas com uma little help from my friends, e a disposição de torrar dinheiro pela causa, vai sair, finalmente.

Como você escolheu as bandas dessa primeira edição? Você tinha algum conceito em mente?

Eu tinha a ideia de trazer bandas boas e pequenas, portanto baratas, porque é o que dá pra fazer sem ou com pouco patrocínio. Já vi pelo menos duas vezes essas bandas que vêm agora e elas entram no "perfil" que eu quero. Quando a galera curadora do festival de Porto Alegre (para onde originalmente elas vêm) fecharam com os grupos, com alguma influência minha aqui e ali, eu dei o "bote" para interceptá-los para São Paulo.

Um tempo atrás todo mundo dizia que o futuro da música era o indie. Você acha que isso ainda é verdade?

Não sei se é o "futuro", mas pelo menos é o que sobrou, nessa terra arrasada pela "revolução da internet". O mainstream, as gravadoras, as rádios, tudo parece tão perdido que sobrou o indie, que mais soube tirar proveito no novo "modelo de negócio". Porque é mais barato. E mais legal. Pra nós.

Fora a questao de vistos etc, as bandas foram tranquilas? Não tem mais grupo que pede M&Ms marrons, bolsas de 1 kg de cocaína ou 5 mil toalhas brancas?


Pede nada. Tudo vem na boa. Na verdade não sei o View, que eu não tive contato. Mas os outros dá pra pedir até para eles pegarem o ônibus do aeroporto até aqui que eles fazem na boa. Brincadeira, claro. O Mickey Gang, do Espírito Santo, está dando mais trabalho. [risos]

Pra encerrar: o Mickey Gang é o novo CSS?

Se botarem uma japonesinha pra cantar, não tenho dúvida.

Nenhum comentário: