terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Michael Jackson tinha mesmo vitiligo (e nariz)



O site The Smoking Gun divulgou ontem o relatório do médico legista do caso Michael Jackson. No mesmo dia, o médico Conrad Murray foi formalmente indiciado por assassinato. Mas o documento também acaba com algumas lendas sobre o popstar:

  • O nariz de Jackson não era uma prótese, como muitos afirmavam. O relatório diz: "Um pequeno pedaço de gaze foi encontrado na ponta do nariz". Se fosse uma prótese de silicone, estaria escrito lá;

  • Em um dos julgamentos do astro surgiu um boato de que uma das crianças teria dito que o cantor poderia ser identificado por meio de uma tatuagem do Ursinho Pooh no pênis. Não era verdade. O relatório descreve as tatuagens encontradas no cadáver: "Uma descoloração da pele escura na parte anterior do escalpo"; sobrancelhas tatuadas (mais conhecidas como "maquiagem permanente"); lábios tatuados de rosa.

  • O médico aponta que ele tinha vitiligo, que se manifestava especialmente no abdomen, rosto, braços e peito.


  • 2 comentários:

    mihuda disse...

    isto pode ser tido como O Fim Triste de Michael Jackson!!!

    Francine disse...

    Só as pessoas ignorantes e que não sabiam NADA sobre o MJ acreditavam nas mentiras todas inventadas pela imprensa suja e manipuladora e pelos lixos de tablóides!
    Pois é ... teve gente que precisou ver o relatório da necrópsia para acreditar... coitados... ¬¬

    Agora ele está descansando em paz,longe desses abutres!