sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

E no fim 2011 nem foi tão ruim, foi?



Este ano foi de reclamações. Desde o primeiro semestre, o que mais se ouvia (ou se lia, nas redes sociais) era um repetido "acaba logo, 2011". E 2011 foi mesmo um ano pouco interessante. Não completamente irrelevante culturalmente, mas fraco.

Pessoalmente - porque só posso falar das minhas experiências - este foi um ano estranho. Mas talvez eu reclame demais porque, fazendo uma lista rápida do que me marcou neste ano, cheguei a algo notável:

  • Shows que vi: Paul McCartney, Ringo Starr, The Strokes (três vezes!), Pearl Jam (dois shows incomparáveis no PJ 20, com direito a reunião do Temple of the Dog, mais um par de shows energéticos em São Paulo), Queens of the Stone Age, Kanye West, Prince (com aparição rápida do Kanye), Janelle Monaé (três vezes! São Paulo, Gotemburgo e Rio), Stevie Wonder, System of a Down, Guns N'Roses (este, no Rock in Rio, só valeu por meio), Amy Winehouse (quem diria que seria um dos últimos?), U2 (três vezes!), James Blake (numa igreja!), Yuck, The Raconteurs (no histórico Ryman, em Nashville), Pulp, Wiz Khalifa, Rihanna, Katy Perry, Elton John, Red Hot Chili Peppers, Shakira, Faith No More, Alice in Chains, Criolo, Boss in Drama, Stone Temple Pilots... Certeza que ainda me esqueci umas boas dezenas;

  • Conversei com muita gente legal, incluindo dois papos com o Ringo Starr, duas horas com o Chico Buarque, uma tentativa com o Tyler the Creator, Arctic Monkeys, uma longa entrevista com o Marcelo Camelo, Tulipa Ruiz, Seth Rogen, The Vaccines;

  • Em cinema e TV eu nem sei por onde começar (mas ontem assisti ao sexto episódio de Life's Too Short, a terceira série de Ricky Gervais e Stephen Merchant - ano que tem programa dessa dupla é ano bom!);

  • Mas chega de enrolação, aqui está a mixtape com os melhores do ano do With Lasers!:


    [a lista das músicas está aqui]

    Este post é dedicado a todas as pessoas incríveis que eu conheci neste ano (e também para as que andavam sumidas e eu revi). Vocês sabem quem vocês são.
  • Um comentário:

    Rejane Ayres disse...

    2011 foi um bom ano, apesar de tantas reclamações (e faço parte da turma que resmungou por um tempo).
    Sua mix tá ótima.
    Que venha 2012, por aqui, partindo do zero, literalmente.