sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Este moleton vale R$ 8.550


Um moleton promocional do disco Goat's Head Soup, dos Rolling Stones, foi vendido por US$ 4,750 em um leilão da Christie's nesta sexta-feira (30). Só doze deles foram produzidos na época do lançamento do álbum.

Outros mimos vendidos: um disco autografado por Jimi Hendrix (US$ 10 mil), pôsteres de Hendrix (entre US$ 10.625 e US$ 18.750) e muita coisa legal dos Beatles.

Michael Jackson & amigos



O álbum Thriller, de Michael Jackson, será relançado em 12 de fevereiro - e virá recheado de regravações e canções raras. Um delas está acima: é uma nova versão de "Wanna Be Startin' Something" feita por will.I.am e Akon.

Também estarão na edição especial remixes/regravações de Kanye West ("Billie Jean") e mais duas de will.I.am ("P.Y.T." e "The Girl is Mine"). Kanye, aliás, usou um sample de "P.Y.T." em "Good Life", do disco Graduation.

Entre as raras de Jacko estão "For All the Time", gravada para Thriller mas nunca lançada oficialmente, "Someone in the Dark", a versão demo de "Billie Jean" e "Carousel" (essas três últimas já haviam sido lançadas na edição de 2001 do trabalho).

O relançamento também terá um DVD com os clipes de "Thriller", "Beat It" e "Billie Jean", mais uma versão ao vivo desta última, gravada no especial Motown 25: Yesterday, Today, Forever, de 1983.

Elas até cantam

Nem tudo é playback no mundo das Spice Girls. As meninas sabem cantar - mesmo que seja fora do palco!


A turnê The Return of the Spice Girls começa dia 2 de dezembro, em Vancouver, no Canadá. Ainda dá tempo de comprar uma camiseta personalizada, pegar um avião e ir ver esse primeiro show.

Casa de boneca dos Beatles - ATUALIZADA


Se você é beatlemaníaco como eu, está sempre procurando novidades. E recentemente eu achei um DVD pirata muito divertido: A Doll's House, da Fab Productions. Como você deve saber, o nome do produto é uma referência ao Álbum Branco dos Beatles (o nome da peça de Henrik Ibsen foi um dos nomes de trabalho do disco de 1968).

Voltando aos DVDs, eles juntam um monte de raridades do quarteto de Liverpool, do período entre o fim de 1967 e 1968 - filmes caseiros, trailers, reportagens e ensaios. Algumas imagens saíram na série Anthology, mas a maior parte é inédita em lançamentos oficiais. Clique na imagem abaixo para ver o conteúdo exato de cada DVD.


Uma das partes mais legais é o documentário Mod Odyssey, de sete minutos, que explica um pouco sobre a animação Yellow Submarine (1968) - o filme, originalmente lançado como produto promocional e entregue às redes de TV, até descreve como cada um dos Beatles tem um modo peculiar de andar no longa-metragem!

E como eu consigo esse tesouro? Não é tão difícil. Força no Google!

ATUALIZAÇÃO: O Ricardo Alexandre lembrou bem - o Mod Odyssey saiu no DVD oficial de Yellow Submarine, que está fora de catálogo desde... Desde quando saiu, mais ou menos.

quinta-feira, 29 de novembro de 2007

Camelo sozinho

Essa eu vi no blog do Alexandre Matias. "Téo e a Gaivota" é uma música solo do Marcelo Camelo, ex-Los Hermanos, postada no YouTube pelo Alex Werner, que trabalhava com a banda. Olha (e escuta) só:


Não custa lembrar que o Rodrigo Amarante também andou por essa praia solo. Ele colocou uma versão diferente de "Evaporar", que originalmente saiu no disco mais recente do Lanny Gordin, no MySpace dele.

Já o Barba, andou tocando bateria com o Jason. Só que a galera não perdia a chance de zoar...


No MySpace do Latuya também tem algumas faixas novas, com o Barba na bateria. Os fãs de Hermanos vão curtir essas.

Atira se for macho, Noel!

Se você não for bonzinho... O Papai Noel vai te dar um tiro! Pelo menos é isso o que prega a canção natalina do The Killers, "Don't Shoot Me Santa", que já tem até clipe:

O death metal do Eagles


O Eagles of Death Metal lotou o Clash, em São Paulo, ontem - quem diria! Os caras estavam muito felizes com a cidade, disseram que foram à Funhouse e que as mulheres daqui são todas lindas. Ou seja, aquela coisa de gringo. Faltou vestir a camisa da seleção.

Mas o show foi divertido, direto e pesado. O Jesse Hughes falou demais entre uma música e outra (e o som ficou muito ruim durante umas duas músicas, levando a platéia a gritar ofensas ao patrocinador do evento), animado que só ele... Duas covers legais entraram no bis: "Brown Sugar" (dos Rolling Stones) e "Beat on the Brat" (dos Ramones). Além da já tradicional versão para "Stuck in the Middle", do Stealers Wheel, renomeada "Stuck in the Metal".

Josh Homme não veio, mas não faltaram ex-integrantes do Queens of the Stone Age no palco: o baterista Gene Trautmann tocou com o grupo entre 1999 e 2001 (no Rock in Rio, inclusive) e o guitarrista Dave Catching é "da família", tendo passado pelo Queens, Desert Sessions e Mondo Generator. O baixista Brian O'Connor já tocou com o Axis of Justice, de Tom Morello e Serj Tankian. E o Hughes é integrante da National Rifle Association (que não tem nada a ver com música, obviamente).

O show também teve seus momentos "stadium rock":

Monstro de J.J. Abrams?


A ilustração acima foi publicada pelo site CanMag e, segundo eles, poderia ser o monstro do filme Cloverfield, produzido por J.J. Abrams. Pena que a Paramount já tenha negado. Não achei tão ruim assim. Por enquanto só sabemos que a perna do bicho é assim.

Alfred Scorsese? Martin Hitchcock?


O que aconteceria se Martin Scorsese descobrisse um roteiro inédito de Alfred Hitchcock e resolvesse filmá-lo do estilo do mestre do suspense? Algo parecido com The Key to Reserva, provavelmente. O curta de quase nove minutos é, na verdade, um comercial da marca de bebidas espanhola Freixenet - mas não deixa de ser uma bela e inspirada homenagem ao diretor de Os Pássaros e Psicose. Clique aqui para ver o filme. É bem melhor do que o remake de Psicose feito pelo Gus Van Sant em 1998 e provavelmente mais legal do que o remake de Os Pássaros que o Michael Bay está produzindo e deve colocar nos cinemas em 2009.

McIncesto

Este vídeo mostra - com imagens e comentários - que a atriz Chyler Leigh, de Grey's Anatomy, interpretou o interesse romântico do ator Christopher Khayman Lee no filme Kickboxing Academy, de 1997. Seria normal - se os dois não fossem irmãos na vida real!

Só no veneno


Ronaldo Evangelista, ex-colaborador deste blog, manda o recado:

É chegada a hora de mais um Baile VENENO. O último quebrou recordes de público e marcou uma época - e o novo está prometendo ser ainda melhor. Dessa vez a festa acontece no Berlin agora na quinta (29) e teremos dois convidados: o já lendário DJ Nuts e o gringo Tom Noble.

Nuts, velho conhecido da galera do hip-hop, chega junto pra mostrar o que faz melhor: um set de música brasileira, cheio de grooves, funk, samba-rock e músicas sensacionais que você nem sabia que existiam. Dos maiores colecionadores de boas raridades do Brasil, Nuts toda hora viaja pra Europa e Estados Unidos pra tocar esse som, mas por aqui nem sempre se dedica à música brasileira, então a oportunidade é imperdível. Vale o toque: Nuts é provavelmente o melhor DJ de música brasileira que você já viu. E se ainda não viu, a hora é essa.

Já o nosso amigo Tom Noble é dono do selo Lotus Land Records, especializado em relançar maravilhosos e esquecidos compactos raros de funk. Então nem é preciso dizer que o que o cara trouxe lá da Califórnia é só o fino do fino da música negra americana: soul, disco e funk pra dançar até não agüentar mais. Se você não está nem acreditando que os dois são tudo isso mesmo, é só clicar aqui embaixo.

*Aqui tem um trecho da histórica mixtape Cultura Cópia, do DJ Nuts.

*Set de disco-funk do Tom Noble no programa de rádio Waxing Deep.

Além, é claro, da discotecagem do meu sócio Mauricio Fleury (pianista, guitarrista e puro estilo em bandas como Frame Circus, Le Rock Démodé e Multiplex) e deste que vos escreve. Como já é tradicional, vamos fazer nossa mistura de brasilidades dançantes e negrices funkeadas, com a diversão no volume máximo. Dá pra contar com coisas como João Donato, Curtis Mayfield, Tim Maia, Stevie Wonder, Gal Costa, Betty Davis, Originais do Samba, Sly & the Family Stone, Roberto Carlos, Jackson 5, Antonio Carlos e Jocafi, The Meters, Wilson Simonal, Parliament e tudo mais que fizer sentido aí no meio. Vai ser o maior encontro de vinis legais da história.

Acredite, se você for sair de casa só mais um dia até o fim do ano, essa é a balada que você não pode deixar de ir.

Então, ficamos assim: Quinta-feira, dia 29. Baile VENENO no Berlin. Discotecagem de Nuts, Tom Noble, Evan e Mauricio F. O Berlin fica na rua Cônego Vicente Miguel Marino, 85, Barra Funda. Dez reais de entrada.

quarta-feira, 28 de novembro de 2007

Early Strokes


A revista norte-americana Fader colocou em seu site um curta-metragem mudo (e em P&B!) com os Strokes, feito em 2001 - antes da banda lançar seu disco de estréia. Vídeo-arte, ui!

Marmelada!

Mel B não venceu o Dancing With the Stars. Na final, ontem, quem ficou com o primeiro lugar foi o piloto brasileiro Hélio Castroneves. Mas ela merecia, olha só:

terça-feira, 27 de novembro de 2007

Interpolive


Para todos os animadinhos que já compraram entradas para ver o Interpol em março: sai hoje um EP ao vivo do grupo, Interpol Live, que só é vendido em lojas independentes de discos (ainda existe isso?). São seis faixas gravadas ao vivo no Astoria, em Londres. A banda faz três shows por aqui em março: 11 (São Paulo), 13 (Rio) e 15 (Belo Horizonte).

The Doctor, the cruiser and Clive Owen


Assim como o The Office britânico, a série Extras vai ganhar um especial de Natal, depois de duas temporadas. A foto acima (que mostra Ricky Gervais à frente, com Clive Owen, David Tennant e George Michael) é a primeira a ser divulgada. Mas também existe um vídeo promocional:

O George Michael "caçando" no parque! O programa vai ao ar dia 16 de dezembro, nos EUA.

segunda-feira, 26 de novembro de 2007

CoooooooooooooooOoooooonquest!

O clipe de "Conquest", do White Stripes, está entre nós:

Jack White não é cruel com os animais. Mas os touros não curtem muito os roqueiros.

Jô investigado

O Programa do Jô, apresentado por Jô Soares, está sendo investigado por ter feito uma entrevista que supostamente manifestou preconceito. Segundo a Folha Online, "as entidades que levaram a denúncia ao Ministério Público Federal acusam o programa de desrespeito a comunidades negras".

É claro que a entrevista já está no YouTube:


E caso esse link saia do ar, também tem aqui.

Fim da greve?


Este blog diz que a greve dos roteiristas de Hollywood está prestes a acabar, já que um acordo teria sido feito entre os escritores e os estúdios. Será?

Para entender a greve, leia a entrevista especial com um dos grevistas.

O que há na TV


Como faz tempo que não escrevo sobre TV - e as coisas andam meio lentas mesmo, culpa da greve - aqui vai uma rodada rápida de novidades:

*Dirty Sexy Money, da ABC, vai ganhar um temporada de 22 episódios. Já Journeyman, da NBC, está mal das pernas e pode não passar do 11o episódio;

*Patrick Dempsey, de Grey's Anatomy, surpreendeu-se porque uma série de TV salvou a carreira dele;

*Dwight Schrute, de The Office, acha que "agradecer é um sinal de fraqueza". Nada de Dia de Ação de Graças para ele;

*Dexter está com a melhor audiência que o programa já teve. Não duvido, a segunda tempora realmente está muito boa;

*A Entertainment Weekly tem um guia para quem quer dar DVDs de programas de TV no Natal. Tem de Family Guy a Little Britain.

*O Hurley cortou os cabelos em Lost.

U2 para os íntimos


Bono e The Edge fizeram um showzinho acústico abrindo para o Biffy Clyro, em Londres, no dia 23. Foram só quatro músicas: "Desire", "Stay", "Angel of Harlem" e a nova/velha "Wave of Sorrow". Só 250 pessoas estavam presentes.

Volta extrema!


Agora essa história de reuniões já está indo longe demais. O Extreme anunciou que vai se reunir para gravar um disco e fazer uma turnê em 2008. E desta vez a culpa é do Guitar Hero, que colocou a música "Play With Me" em seu repertório.

"Percebemos que não eram só as outras pessoas que estavam com fome de rock and roll", disse o guitarrista Nuno Bettencourt à Billboard. "Nós também estamos. Vamos comer." Papo estranho...

Relembre o hit "More Than Words" e lembre de fugir dessa reunião:

domingo, 25 de novembro de 2007

Pesaaaaaaaaaaaado

Neste trecho do novo clipe das t.A.T.u., "Beliy Plaschik (White Robe)", a integrante Yulia Volkova, grávida, é metralhada.

Conversando

O DJ/MC Rodrigo Gorky participou do programa Annie Mac's Mash Up, na Radio 1 da BBC, e - além de fazer um mini-set - falou sobre os problemas pelos quais a banda dele, o Bonde do Rolê, passa no momento. Basicamente ele disse o que está escrito aqui, mas também falou que os integrantes estão conversando e que esperam resolver a situação em breve. E tem um momento importante:

Annie Mac - Então podemos dizer que vocês se separaram por enquanto?

Gorky - Sim. Estamos conversando entre nós e tentando resolver tudo.


Ouça o set mais a entrevista:

[Obrigado ao alemão uc pelo MP3 da entrevista!]

sexta-feira, 23 de novembro de 2007

The... end?


Quem estava no Scala, em Londres, ontem à noite viu: os MCs Marina Vello e Pedro D'Eyrot saíram no maior quebra-pau depois do show, com cerca de 30 pessoas vendo. "Eu vi e pensei: isso é briga de acabar com a banda!", contou uma testemunha do ocorrido a este blog.

Marina teria abordado Pedro com gritos de "filho da p...!" e teria também dito: "Eu quero que todos saibam que o Pedro é um cuzão!", em inglês, antes de ser detida por um segurança, que a levou para longe do companheiro de banda.

Extra-oficialmente já se diz que Marina deixou a banda, mas ainda não houve confirmação por parte dos músicos.

ATUALIZAÇÃO - em email a este blog, o DJ/MC Rodrigo Gorky mandou a seguinte mensagem: "Cancelamos os shows finais da turnê devido a problemas pessoais e internos na banda, mas esperamos resolver tudo para não decepcionar todo mundo que já comprou ingressos e que não tem nada a ver com a história."

Killers sem controle

O clipe de "Shadowplay", a cover do Joy Division gravada pelo Killers, ganhou um clipe. No vídeo, o primeiro (na versão do filme Control) assiste ao segundo na TV. E depois o Brandon Flowers sofre, sofre, sofre... Mas não fisicamente. Uma dor interior, sabe? Isso tem solução. Ian Curtis que o diga.

quinta-feira, 22 de novembro de 2007

E com vocês...

...o novo Menudo.


Já começaram as piadinhas. O novo grupo foi formado em um reality show (e existe outro modo de se fazer qualquer outra coisa hoje?) da MTV. A primeira música de trabalho é "More Than Words (A E I O U)". Escuta aí:

É sempre Halloween na casa da Britney


Segundo o Daily Mirror, a casa de Britney Spears é mal assombrada. "Ela se sente muito só e escuta vários tipos de sons inexplicáveis." Presumo que um dos sons que atormentam Brit seja este. Segundo o ex-proprietário da mansão, o espírito que está preso ao lugar é o de uma garota que queria muito ser cantora, mas não conseguiu. Depois de alguma pesquisa, achei esta foto assustadora do fantasma. Medo.

Maior da Terra


O Kaká é capa da versão britânica da Esquire: "Classe Mundial - A Esquire fala com Kaká, o maior jogador da Terra." Moral. Aqui tem os scans da matéria inteira.

quarta-feira, 21 de novembro de 2007

Cornell comes alive

Chris Cornell e Peter Frampton tocando "Black Hole Sun", do Soundgarden?!? Como isso aconteceu? Não sei. Mas aconteceu. E foi no dia 14 deste mês, em Nashville.


Eles foram além e tocaram "Slaves and Bulldozers":


Chris Cornell toca no Brasil nos dias 12 (Rio) e 13 (São Paulo) de dezembro. Sem o Peter Frampton.

[Valeu pela correção, Felipe!]

Lick your way up to the top


Você viu que o Gene Simmons vai participar de O Aprendiz? O baixista do Kiss estará em uma edição de famosos do reality show do Donald Trump, que também vai ter o ator Stephen Baldwin, a ginasta Nadia Comaneci, o boxeador Lennox Lewis, o ator Vincent Pastore (de Sopranos), a Omarosa (a participante mais odiada de todos os O Aprendiz) e mais um bando de semi-famosos.

Quem já viu Family Jewels (uma espécie de The Osbournes, mas sem a graça) sabe que o linguarudo curte um reality show.

Cultura dos jornalistas

O Espaço Cult vai fazer um curso de jornalismo cultural, nos dias 24 e 25 de novembro. Uma opção interessante para quem quer entender o que se passa nas grandes empresas de comunicação do Brasil. Olha a programação:

*24 de novembro, sábado

9h30 – Recepção

10h - "Da pauta à edição" - O que é uma reunião de pauta, quais são os critérios e como são feitas as avaliações de matérias. A edição: como é feita a edição de cultura em jornal diário. Ministrado por: Marcos Augusto Gonçalves (editor da Ilustrada - Folha de São Paulo)

11h30 - "A crítica literária" - Como pensar e escrever uma crítica literária. O público com quem vai dialogar, o que ele quer? Ministrado por: Jerônimo Teixeira (crítico de literatura da revista Veja)

13h - Almoço

14h30 - "A crítica de cinema" - Os critérios para um texto crítico.
Ministrado por: Sergio Rizzo (crítico de cinema do jornal Folha de São Paulo)

16h00 - "A edição de um caderno dedicado inteiramente à cultura"

Ministrado por: Marcos Flamínio Peres (editor do caderno Mais! da Folha de São Paulo)

*25 de novembro, domingo

9h30 - Recepção

10h - "Perspectivas de análise do texto literário" - Apresentação dos elementos constitutivos básicos do texto ficcional. Estudo analítico do conto. Reconhecimento de recursos de expressividade e de efeitos de sentido. Aula expositiva e produção de uma resenha sobre um conto brasileiro. Ministrado por: Welington Andrade (professor e vice-diretor da Faculdade Cásper Líbero)

11h30 - "O espaço para o jornalismo cultural em revista semanal" - Como é feita a edição de cultura: a pauta e os critérios. Ministrado por: Carlos Graieb (editor-executivo da revista Veja)

13h - Almoço

14h30 - "O jornalismo cultural em televisão" - Como produzir resenhas de livros para um veículo de linguagem objetiva como a televisão? Os códigos da TV. A estética.
Ministrado por: Ivan Marques (Diretor do programa Entrelinhas da TV Cultura)

16h - "A crítica musical" - Como escrever sobre música. Como pesquisar e ler opiniões divergentes para ampliar seu campo de visão. Como desenvolver a técnica para a reportagem musical.

Os participantes ouvirão alguns CDs selecionados e será organizado um debate crítico com a supervisão do professor. Ministrado por: Sergio Martins (crítico de música da revista Veja)

Mais informações: (11) 3385-3385 (horário comercial), no site ou pelo e-mail kelly@revistacult.com.br.

Ramble on

E esse visual "cabelos brancos" do Jimmy Page? Por falar nele, o dedo não parece estar quebrado nessa entrevista para a BBC:

Resumo: "O mais difícil de reunir o Led Zeppelin foi ensaiar sem ninguém perceber"; "é maravilhoso termos o Jason Bonham conosco porque ele entende a música" (eu prefiro o Dave Grohl); a culpa do fracasso no Live Aid foi do Phil Collins (OK, exagerei. Mas deve ser mesmo).


Mais resumo: "Nunca tínhamos tocado com os dois bateristas do Live Aid antes, eles ficavam parando em horas que não deveriam" (eu disse que era culpa do Phil Collins...); "Acho que vai ser incrível"; "Nossa jornada foi maravilhosa - e estou feliz por estar aqui para contar a história"; "Eu amo as músicas do Led, adoro tocá-las".

E, aparentemente, o The Cult vai abrir os shows da turnê (?) do Led Zeppelin no ano que vem.

terça-feira, 20 de novembro de 2007

Perna de monstro

O site ShockTillYouDrop fez um vídeo em câmera lenta do trailer de Cloverfield, no qual dá para ver um pedaço do monstro misterioso.


Se você curte investigar, o verbete da Wikipedia é um bom começo. É um filme novo do Godzilla? É uma adaptação de H.P. Lovecraft? É um filme baseado em Lost?

Spanking

Está rolando uma treta entre o Naeem, do Spank Rock, e o Jared Leto, do 30 Seconds to Mars. E o primeiro jogou um copo no segundo, no MTVu Woodie.


Aí o Naeem foi escrever no blog do evento.


Você pode ver o Woodie 2007 inteiro aqui. A MTVu é o canal universitário da Music Television.

Do you remember laughter?


Muitas notícias sobre a volta do Led Zeppelin:

*O dedo do Jimmy Page está melhor: ele diz estar pronto para mandar o dedo para Robert Plant e John Paul Jones a qualquer momento;

*Banda vai tocar música nova: na real ele disse que eles ensaiaram uma faixa que nunca foi tocada ao vivo, mas a notícia é mais interessante se o título disser que é nova, né?

*O Led Zep pode fazer uma turnê: ou não. Uma dessas opções.

Entendendo a greve dos roteiristas


Nos EUA, só se fala da greve dos roteiristas de TV e cinema. Tudo parou: produção de filmes, de séries de televisão, os talk-shows todos. Mas você sabe o que os roteiristas querem? Procurei um desses grevistas para que ele explicasse melhor a situação. Speed Weed é integrante do Sindicato dos Roteiristas Norte-americanos e escreve, no momento, para a série New Amsterdam (que deve ser exibida na Fox, logo depois do American Idol).

A pergunta básica: por que vocês estão em greve?


Estamos em greve porque nossos contratos venceram no dia 31 de outubro e, naquela hora, as empresas ofereceram apenas uma renovação de nossos acordos e benefícios. Elas não tocaram no assunto principal, o que nos preocupava, e que é a respeito de como seremos pagos pelo material que escrevemos quando ele é distribuído pela internet.

Sabe-se que a distribuição de programas de TV pela internet é poderosa e que ela já até salvou alguns programas, como The Office. Então por que as emissoras negam isso tudo?

Eu não sabia desse caso que você citou. Mas eles não negam que essa nova mídia seja importante, só estão tendo duas-caras a respeito do lucro envolvido nela. Para Wall Street, eles exageram. Para nós, fazem-se de pobres coitadinhos. Se você ainda não assistiu a este vídeo, veja. Não é muito longo.



No começo das discussões os DVDS também eram um ponto polêmico. Isso já foi resolvido?

Não, nada foi resolvido até agora. É bom que você saiba que não faço parte do comitê de negociações, então não tenho um conhecimento muito grande sobre essas negociações. Em 1988, os estúdios alegavam que o home-video era "experimental" – não sabiam se conseguiriam lucrar com ele. Na época era muito caro fabricar as fitas VHS. Eles se fizeram de coitadinhos e nós nos rendemos. A regra da época determinou que o roteirista de um filme ganharia cerca de quatro centavos de dólar por cada fita vendida. E aí o que aconteceu foi: A) o negócio foi um grande sucesso e B) surgiram os DVDs, que são bem mais baratos para se fabricar. As empresas nunca permitiram que pudéssemos renegociar esses valores. Eles faturaram quantias gigantescas a partir de um produto que nasceu da criatividade dos roteiristas. E esses autores não viram nada desse lucro crescente. Pedimos para nossa parcela seja de oito centavos de dólar, mas essa história caiu no limbo. Nosso tema principal é mesmo a internet – que tem um custo praticamente nulo para as empresas. E achamos que a fórmula do DVD é um precedente para nossos pagamentos da internet.

Algumas pessoas já começaram a ser demitidas por causa da greve. Você acha que elas serão readmitidas com o fim da paralisação?

As pessoas estão sendo dispensadas porque as produções estão sendo paralisadas. O sindicato dos roteiristas nunca abandonou a mesa de discussão. Continuamos tentando negociar, mas as empresas se negaram a fazer isso nas duas últimas semanas. E elas aproveitaram a chance para demitir milhares de trabalhadores. Pessoalmente, fico muito nervoso ao ver que eles colocaram as pessoas na rua na época do Dia de Ação de Graças e antes do Natal. E que eles tenham se negado a negociar, não dando nem esperança de que essas pessoas possam voltar a trabalhar rapidamente. As empresas ficaram parecendo o senhor Burns e isso foi publicidade ruim para eles. Tudo isso, mais a solidariedade que temos visto, fez com que eles decidissem voltar a negociar no dia 26 de novembro. Assim que a cidade voltar a funcionar haverá trabalho para todos.

Vocês esperavam tanto apoio por parte dos atores?

Sim. Os problemas deles também são os nossos problemas. Agradecemos muito pelo apoio. Eles são bem mais bonitos que nós e precisamos desse apoio!

Existe um boato sobre uma possível greve dos atores e diretores. Isso vai ocorrer?

Mais uma vez, não estou qualificado a responder essa pergunta já que não participo das negociações.

Você vê um fim para a greve em breve?

Estou cautelosamente otimista. Ou otimistamente cauteloso. Não sei qual dos dois...

O que você diria às pessoas que estão ficando nervosas por não poderem assistir aos seus talk-shows e séries preferidas?

Que tudo é uma questão básica de justiça com os roteiristas, já que as empresas estão lucrando com o nosso trabalho. Quando o Paulo Coelho publica um livro, ele recebe por isso. Se a editora faz uma segunda edição e lucre com isso, ele recebe mais. É isso o que queremos. Quando nossos roteiros vão parar na internet e há lucro nisso, queremos ser pagos.

*Para saber mais sobre a greve:

- Yahoo! News

- Hollywood Reporter

- Variety

Angelinua

Angelina Jolie está (mais ou menos) pelada em Beowulf.

Parece uma Barbie peituda dourada. Os seios foram aumentados por computação gráfica - e outras partes foram gentilmente apagadas também.

Por outro lado, nos EUA o filme é exibido em 3D - e quantas chances você acha que vai ter para ver a Angelina nua em três dimensões?

Californi-ação (na justiça)


Nem sei o que pensar dessa notícia: o Red Hot Chili Peppers está processando a rede de TV Showtime por causa do nome Californication. A palavra dá nome à série estrelada por David Duchovny, mas também é um disco (e faixa) lançado pelo grupo em 1999.

A banda de Anthony Kiedis alega competição injusta, diluição do valor da marca e enriquecimento ilícito. O próprio Kiedis explicou a ação em um comunicado: "Californication é um CD, clipe e música clássicos da banda e não é certo que uma série de TV venha e roube nossa identidade."

E não vai dar nem para negar a acusação, já que a série tem uma personagem chamada Dani California - outra música do RHCP.

Anthony, o Tom Petty ligou e pediu para você pagar os direitos de "Mary Jane's Last Dance" - que a sua banda plagiou em "Dani California" - antes de ficar apontando dedos por aí.

segunda-feira, 19 de novembro de 2007

Economia de tempo


Enquanto a greve do roteiristas continua atrasando a vida dos estúdios, vamos relembrar grandes filmes da história - em cinco segundos. Por exemplo, aqui está Clerks, do Kevin Smith:


O cara que faz esses vídeos (aqui tem todos) se chama That Guy With The Glasses (nome artístico, né?) e foi banido do YouTube.

Lê o jornal, baixa o filme


O jornal El País ofereceu ao seus leitores, no sábado, o download do filme Dom Quixote (na versão de Manuel Gutiérrez Aragón, de 2002). O longa podia ser baixado pelo site Filmotech, que tem apoio da organização espanhola Egeda (que administra direitos autorais multimídia).

A iniciativa serviu para divulgar o site de downloads legais. O Hollywood Reporter tem mais informações. O filme ainda está disponível para download ou streaming - mas só para moradores da Espanha.

domingo, 18 de novembro de 2007

Run for your life

De campanha em campanha, mais uma. Agora é do Cansei de Ser Sexy com a Nike. A música é "Patins":


[Tirado do twitter da Flávia Durante]

TV se rende à web


Escrevi sobre o Quarterlife um tempinho atrás, mas agora ele voltou a ser assunto. A série online foi comprada pela NBC e deve ser exibida na TV a partir de fevereiro, com episódios de uma hora (na web os capítulos têm oito minutos e podem ser vistos de graça no site do programa).

Além de contar a história da vida de um grupo de jovens de 24 anos, Quarterlife também é uma rede social, estilo Orkut e Facebook. Mas também, o que não é? O site do Black Eyed Peas é. O Rraurl é...

sábado, 17 de novembro de 2007

Zep is back, baby, baby, baby


Estamos quase lá: faltam 23 dias para a volta do Led Zeppelin. Vamos relembrar as últimas vezes que a banda tocou com John Paul Jones, Robert Plant e Jimmy Page.

*"Stairway to Heaven" no Live Aid, em 1985:


*"Stairway to Heaven" no aniversário de 40 anos da Atlantic Records, em 1988:


*"Bring it on Home" no Rock'n'Roll Hall of Fame de 1995, com o Aerosmith:


Se o show do 10 de dezembro foi tão ruim quanto boa parte desses vídeos acima, sempre nos restará o Wolfmother:

Atira e chupa

Eu entendo as pessoas fazerem Freddy vs. Jason. Entendo até o Alien vs. Predador... Mas Bonnie & Clyde vs. Dracula?!?


Agora me deu vontade de ver Dirty Harry vs. Hannibal Lecter.

sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Spice in motion

E agora dois vídeos das Spice Girls se apresentando juntas "ao vivo". Eles foram gravados em Los Angeles para o programa beneficente Children in Need, realizado anualmente pela BBC. Esta é "Stop":


Achei bem roots essa volta. As músicas são cantadas exatamente como as Spice Girls faziam nos anos 90: em playback! Inclusive o novo single, "Headlines (Friendship Never Ends":

Dwight e o ping-pong

Você pode não saber, mas o Dwight - de The Office - é fã de tênis de mesa. E ele curte o brasileiro Hugo Hoyama. Duvida? Eu provo com uma cena do episódio que foi ao ar ontem, nos EUA:

Suspensão, nada de produção e explicação

A greve dos roteiristas continua:

*A produção de Battlestar Galactica e Bionic Woman parou;

*Atores de 30 Rock e The Office foram suspensos pela NBC - e com isso só vão receber meio salário durante cinco semanas;

*Um dos roteiristas do Daily Show explica a greve em um vídeo:

Só no sapatinho

Todo o suíngue sensual do Radiohead ao som de "Take it Easy My Brother Charles", de Jorge Ben, no webcast da banda.

Thom Yorke aprovou a dancinha do Ed O'Brien:

[Essa foi dica do Ramiro Zwestch]

Eletronika em BH

O festival Eletronika, de Belo Horizonte, foi divertido (pelo menos a parte que eu vi, no dia 14). Mas um vídeo explica melhor:

Para baixar este vídeo, vá ao Google Video.

O blog Síncope fala um pouco sobre o debate do qual eu participei no Eletronika, ao lado do Thiago Ney, Lúcio Ribeiro, Kid Vinil e Daniel Barbosa, mediado pelo Alexandre Matias.

"I saw it! It's alive and it's huge!"

O trailer de Cloverfield, o projeto secreto produzido por J.J. Abrams (Lost) está na web:

Não entendi nada. De novo. Aqui tem uma versão diferente, com qualidade bem melhor de vídeo e som.

Spice Girls na passarela


Pronto, agora já foi! As Spice Girls cantaram juntas no desfile da Victoria's Secret ontem, em Los Angeles. As moças cantaram "Stop" e o novo single, "Headlines", vestidas com uniformes da Segunda Guerra. O site oficial tem mais fotos.

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

Dance Spice

Você pode até odiar as Spice Girls, mas uma coisa é fato: a Mel B dança pra caralho! Aqui ela mostra o mambo no Dancing With the Stars.

terça-feira, 13 de novembro de 2007

Let's go Outback tonight

O Of Montreal está bombando na televisão - durante os comerciais, pelo menos! A faixa "Every Day Feels Like Sunday" foi usada na trilha de um comercial da Nasdaq:


E a banda também regravou a faixa "Wraith Pinned to the Mist (And Other Games)" - com letra nova e tudo! - para uma propaganda da rede de fastfood Outback:


[A dica para este post veio do Vinicius. Valeu!]

Real guitars are for old people

Esse trecho de um episódio de South Park representa bem o que é a geração Guitar Hero:

segunda-feira, 12 de novembro de 2007

Pete, Paul (no Mary!)

Lembra que um tempo atrás o Guardian colocou o Pete Doherty para entrevistar o Paul McCartney? Agora tem um áudio de alguns momentos da entrevista. Clique no play aqui abaixo:


Aproveitando que McCartney é assunto, parece que a Heather Mills tem uma gravação dele chamando-a de "one-legged bitch". O Dlisted mandou na lata: "Qual o choque? Ela é uma bitch e tem uma perna só."

Che e Che


Benício del Toro encarna Che Guevara em The Argentine, o novo longa de Steven Soderbergh.

Melho ou pior que o jovem Che de Gael García Bernal em Diários de Motocicleta?

Je ne parle pas français

Saiu hoje o single de "As Above, So Below", do Klaxons. Além de um remix feito pelo Justice (ouça aqui), tem essa versão em francês da canção:

domingo, 11 de novembro de 2007

A volta!

And This is How We Call it a Comeback - A Volta do CSS ao Brasil, um documentário feito no celular por Paulo "Pennebaker" Terron:

Baixe aqui.

Planeta em imagens

Para não dizer que não falei do Planeta Terra, um post de imagens:

1 - A entrada do camarim do Datarock, personalizada pela banda.


2 - O setlist do Datarock, cortesia da Renata.


3 - Lovefoxxx, do Cansei de Ser Sexy, lembra os tempos de ilustradora para o With Lasers.


4 - Luiza Sá, guitar-hero do CSS, manda um recado para o blog (OK, para mim...).


5 - Gabriel Andruzzi, do The Rapture, explica por escrito o que foi aquele bis rave da banda.


6 - O vocalista Dave Monks, do Tokyo Police Club, conta os nomes das músicas novas que a banda tocou.


7 - O Datarock toca "Computer Camp Love" no palco Indie.


8 - O Tokyo Police Club se despede de Sâo Paulo.


9 - Datarock dando entrevista beeeeeeem à vontade no backstage.


10 - Trecho do bis do Rapture, no fim de noite do palco Indie.


Bônus:

*Datarock fala com o Brasil.

sábado, 10 de novembro de 2007

One man party


Eu não sei onde você estava ontem, mas se não era no Vegas – vendo a estréia do Bo$$ in Drama em São Paulo – você perdeu um dos eventos musicais do ano. Rolou de Corona a Bonde do Rolê, de Technotronic a Rihanna. Até Britney Spears. Isso tudo mais as performances do Péricles, um verdadeiro one-man-show. O cara dança pra caramba, manda muito bem no vocal... E a galera pira na pista de dança.

Já está se sentindo mal por não ter ido? Você tem mais algumas chances: dia 14 de novembro ele toca no Eletronika, em Belo Horizonte; dia 16, no Dama de Ferro, no Rio; dia 22, no Vegas novamente, em São Paulo; e dia 24 no Festival Banana Mecânica, que vai rolar no Inferno, em São Paulo (e que também vai ter a estréia dos incríveis New Rave Kids on the Block). Não vai perder, logo mais vai começar a ficar difícil ver o cara...


Para ver mais fotos da noite, vá ao álbum da Flávia Durante.

sexta-feira, 9 de novembro de 2007

Novelinha dos Foo

A música é boazinha. Mas o clipe de "Long Road To Ruin" leva o Foo Fighter de volta à tradição de fazer vídeos legais e divertidos (eu ia escrever "engraçadinhos", mas aí pega mal...):
Foo Fighters - "Long Road To Ruin"


A moça bonita é a Rashida Jones, a Karen de The Office.

Planeta CSS



É amanhã. Depois de tanto tempo na gringa, o Cansei de Ser Sexy vai voltar a tocar no Brasil. Aproveitando o embalo do Planeta Terra, seguem trechos não publicados na entrevista que eu fiz com a Lovefoxxx (a terceira pessoa mais cool do planeta, segundo a NME) para a Rolling Stone mais recente, que já está nas bancas (com o Police na capa).

Quando a banda começou, vocês sempre diziam que a diversão estava acima de tudo. Essa postura vai continuar no segundo disco?
Tem de continuar. A gente não funciona sob pressão. Nós nos damos muito bem... Quando a Ira formou a banda foi muito bom ela ter chamado as pessoas com a idéia de "quem ela gosta de ter por perto" - e não de quem tocava ou fazia não-sei-o-que melhor.

Você diria que vocês não têm mais raiva?
Claro que não (diria isso)! (risos) A raiva dá muita motivação.

E essa "grande volta ao Brasil"? Dá um medinho? Em especial porque teve aquele lendário show do TIM...
Dá um medinho sim. Acho que vou ficar super ansiosa. Fazer essa turnê com a Gwen Stefani ajuda muito porque tocamos todos os dias para mais ou menos 12, 16 mil pessoas que não estão lá necessariamente para ver a gente... Não sei o que esperar do show do Brasil. Temos vários fãs fofos em São Paulo, espero que eles apareçam.

A música que você gravou com o Primal SCREAM (nota de Paulo Terron: eu juro que eu sei escrever Primal Scream. Na Rolling Stone saiu Primal SCREEN, mas foi colocado na correria do fechamento pelo pessoal da redação. Acontece nas melhores famílias.) é sobre o quê?
Ela fala de relacionamentos, mas é um pouco obscura.

Quando você trabalhou no SBT você conheceu o Silvio Santos?
Não! (risos) O Music Box era feito por uma produtora independente! Antes de entrar no palco a gente às vezes escuta aquela música: "É ritmo... É ritmo de festa!"

Para encerrar, Lovefoxxx fala sobre bandas legais ela conheceu na estrada:

Tilly and The Wall: eles são incríveis, as músicas são lindas. Uma vez o tecladista esqueceu o passaporte e não pôde viajar, então eles fizeram um show acústico. Assisti o show do palco e fiquei super emocionada.

Natalie Portman's Shaved Head: são de Seattle, uma banda de adolescentes. Eles não têm medo de ser ridículos. Eles começaram a falar com a gente pelo MySpace e abriram para a gente em Seattle. Nosso sonho é levá-los para a Europa.

Grizzly Bear: conheço mais o vocalista, ele vai a todos os nossos shows em NY. No ano passado descobri que ele era meu amigo de Fotolog em 2003! Inacreditável né?
Metronomy: vamos fazer turnê com eles em dezembro, mas já os conheço porque eles são amigos dos Klaxons. Gosto muito de como o Joseph canta, é super R&B. E eles fazem umas dancinhas no show.

Klaxons: os shows deles são muito impressionantes: nunca vi um público tão agitado. As músicas são muito pop e acessíveis, não tem como não gostar. Ao mesmo tempo, são muito inteligentes. Já ouvi umas demos novas e são muito boas!

[A foto acima foi feita por Adriano Cintra]

Pretend we're NOT dead


O L7 pode voltar a se reunir em 2008. E os responsáveis por esse revival grunge são os brasileiros do Cansei de Ser Sexy. A história é assim: a Sub Pop vai fazer um grande show para comemorar seus 20 anos, no meio do ano que vem (o Green River - metade do Pearl Jam e metade do Mudhoney - já disse que também vai voltar para esse evento). "A gente quer que o L7 se junte para fazer o show", contou-me a Lovefoxxx, em entrevista publicada na edição mais recente da Rolling Stone (a do Police na capa). "Você sabia que a Donita Sparks cantou 'Pretend We're Dead' com a gente em Los Angeles? Ela sempre se corresponde com a Ana."

Agora é só esperar. Aliás, mais uma grande banda deve se reunir para esse show, que vai ser em Seattle. O vocalista passa pelo Brasil logo mais, em show solo. Ele é daqueles que gritam muito. O baterista dessa banda hoje toca em outro gigante do grunge. Já sacou ou preciso dizer com todas as letras que é o Soundgarden?!?

Para alegrar, L7 toca Guns N'Roses com Dave Grohl na bateria:

Yoko live!


A performance de Yoko Ono no Teatro Municipal de São Paulo pode até não ter lotado o lugar, mas com certeza ficou marcada na memória de quem estava lá. A viúva de John Lennon fez uma espécie de retrospectiva de sua carreira, exibindo vídeos como Freedom (de 1970), dançando com uma cadeira, cantando, fazendo um duelo "voz versus cuíca" e até tentando sambar.



quinta-feira, 8 de novembro de 2007

Alien in jail


O site The Smoking Gun publicou a foto tirada de David Bowie quando ele foi preso em 1976, em Rochester. Ele e Iggy Pop foram detidos com maconha. Até essa foto do Bowie consegue ser estranha! Mais detalhes sobre a prisão aqui.

Novo dos Monkeys

"Teddy Picker", o novo clipe do Arctic Monkeys:

Faltou alguma coisa... Ânimo, talvez?

A greve de Grey

O elenco de Grey's Anatomy apóia a greve dos roteiristas (que, aliás, pode continuar até 2008). Sandra Oh fala:

E Patrick Dempsey:


Damon Lindelof (Lost) e Marc Cherry (criador de Desperate Howsewives) também fizeram seus apelos:

quarta-feira, 7 de novembro de 2007

Lost já voltou!

Já foi parar no YouTube o primeiros dos "missing pieces" de Lost. São pequenos vídeos feitos para celular, anunciados um ano atrás (e demorou para estrear por causa de negocições com o sindicato dos roteiristas - o mesmo motivo da greve atual!).

O primeiro mobisode, "The Watch", mostra Jack conversando com o pai em uma praia. Como o som do vídeo do YouTube é ruim, tem uma transcrição aqui.

Parando tudo!


A greve dos roteiristas de Hollywood já começa a ter efeito direito nas séries de TV. Entre as que já não têm mais roteiros e tiveram de parar a produção estão: Two and a Half Man, Carpoolers, Desperate Howsewives, Back to You, The New Adventures of Old Christine, 'Til Death, Rules of Engagement e The Big Bang Theory. Os talk-shows já partiram para reprises.

A greve, organizada pelo sindicato da categoria, quer uma discussão sobre pagamentos relativos a novas mídias: DVDs e, especialmente, downloads dos programas de TV.

Muitos atores já declararam apoio (mesmo porque especula-se que os sindicatos dos atores e dos diretores pensa em fazer o mesmo tipo de ação em breve): Steve Carell não foi gravar The Office, Ellen DeGeneres faltou em um dia de gravação de seu talk-show (mas apareceu no seguinte, dizendo-se obrigada or contrato) e Eva Longoria, Julia Louis-Dreyfus e Tina Fey (essa última também é roteirista - a melhor roteirista de comédia da geração dela) apareceram nos protestos. A Eva até levou umas pizzas para os grevistas!

terça-feira, 6 de novembro de 2007

Eu também!

Angelina Jolie encontra os fãs. Simpática e sorridente.

E a menina com a camiseta "Adote-me, Angelina"? Demais!

Freak magnet

As pessoas doidas gostam da Britney Spears. Por que será? Identificação?


E aí o astro pornô Ron Jeremy manda essa:

Atropelou, pagou


Lembra do Alison Silva, aquele fotógrafo que deu um trabalho para o Fantástico no "caso Britney Spears? Ele não desiste nunca! Agora vai processar Keanu Reeves. O astro de Matrix passou com o carro em cima do pé do paparazzo, em 19 de março.

segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Yasmin & Purple


A foto acima (reproduzida no blog da Julia Petit no iG) é da edição atual da Purple Fashion Magazine e foi clicada por Terry Richardson. Sim, é a Yasmin Brunet, 19, nua. Pelada. Sem roupa. Precisa comentar alguma coisa? Acho que não. Ou melhor, precisa sim: cresceu a moça, né? Em algumas partes mais que em outras! Para ver a imagem sem censura, clique aqui. (Coloquei "Terry Richardson" ali embaixo, nas tags, para parecer que nós - eu, você e os tarados que chegarem aqui depois de digitar alguma baixaria no Google - nos interessamos por fotografia...)

Smile!


Shia Labeouf, estrela de Transformers e do próximo Indiana Jones, foi preso em Chicago. Ele se recusava a sair de um Walgreens (uma mistura de farmácia com mercado) às 2h30 da madrugada. Foi em cana.

Greve no escritório


A greve dos roteiristas de Hollywood coloca alguns atores em uma posição bizarra. B.J. Novak, de The Office, por exemplo. Ele é roteirista e ator. A NBC mandou ele trabalhar, independente de qualquer coisa. Mas se for, ele pode ser multado pelo sindicato.

Esse é só um dos problemas causados pela greve. As séries ainda podem ter um tempo bom, já que são gravadas com antecedência - mas podem se dar mal caso a greve dure muito tempo. Os programas de entrevistas, como os de David Letterman e Jay Leno, são os mais prejudicados. Só para dar uma idéia, o Late Show tem mais de 10 pessoas responsáveis pelo texto do programa.

Por outro lado, circula uma lista de 300 filmes que teriam garantido seus roteiros antes da greve, não sendo prejudicados por ela. Esses longas seriam as prioridades dos estúdios. Estão lá: High School Musical 3, Comeback (dirigido por Fred Durst! Cada prioridade...), Wolverine, Sex & the City, Star Trek, Angels & Demons (a continuação de O Código Da Vinci) e Zack and Miri Make a Porno (do Kevin Smith).