terça-feira, 4 de setembro de 2007

Post 500!


Eu diria - sem a menor dúvida - que 12 Bar Blues, de Scott Weiland, está entre os meus 10 discos preferidos de todos os tempos. Exatamente por isso fiquei surpreso ao ouvir "Learning to Drive" no fim do filme Possuídos. Eu sabia que o Chris Cornell tinha feito uma música para o filme (e foi isso que deu o ponta pé inicial no segundo álbum solo do ex-Audioslave), mas uma música nova do Weiland foi uma ótima surpresa. Ainda mais porque a música é linda, não deve nada às do primeiro CD. Ela chegou a ser gravada, em versão demo, pelo Stone Temple Pilots - mas ficou inédita até o ano passado, quando a trilha do filme saiu. Agora é só esperar pelo segundo disco completo que, dizem, sai ainda este ano (ou no começo de 2008).

Já o filme Possuídos é outra história. Foi dirigido pelo William Friedkin, de O Exorcista, que não fazia algo bom desde... Ahn, O Exorcista? Bom, Possuídos tem 40 minutos iniciais beeeeeeeeem arrastados. E depois o bicho pega.

A aura cult de Possuídos (Bugs, no original) se comprova com o que eu vi na tarde desta terça-feira, no Gemini, na avenida Paulista. Uma platéia de mais ou menos 20 pessoas apareceu para ver o filme. Dia de semana, durante a tarde.

E MAIS: em um assunto totalmente independente disso tudo, o With Lasers se prepara para receber novos colaboradores. Aguarde!

Nenhum comentário: