segunda-feira, 30 de julho de 2007

O espaço/tempo em Lost

Na Comic Con, além do que já foi dito pelo Terron, foi apresentado um vídeo inédito no painel de "Lost". Trata-se de mais um daqueles vídeos enigmáticos gravados dentro de um escotilha, com o japonesinho de múltipla personalidade confundindo mais as coisas. Dessa vez, ele se apresenta como Edgard Halowax (e não como Marvin Candle) e deixa no ar ingredientes suficientes para mais uma teoria maluca.

De objetivo, ele apresenta uma nova escotilha, a sexta, chamada "Th Orchid", onde, segundo ele, não são feitos estudos de botânica, tal qual foi teria sido dito anteriormente, por medida de segurança. Afinal, segundo ele, o que foi escolhido para estudar ali é algo volátil e perigoso. Quando ele se prepara para começar a explicar detalhes do que se faz ali...cai algo do teto (uma lâmpada, talvez) e um coelho idêntico ao que ele segura no colo (com um número 15 gravado nas costas) aparece um uma prateleira. Edgard fica desesperado, dizendo para não deixarem que os coelhos se aproximem, e questiona a assistente por detalhes da experiência - ela diz coisas como "vinte negativos", "nove minutos", "ainda estamos aprendendo"...

Veja:


Somando a experiência com os coelhos idênticos à frase "as propriedades desta ilha criaram uma espécie de Efeito Kazimir (ou algo do tipo)", já está levando fãs a crer que, na verdade, o que a Dharma estuda é viagem no tempo. E o vídeo lhes dá bons argumentos. Por exemplo: a lâmpada estoura em função da descarga de energia usada na "viagem" do coelho (e, portanto, a megadescarga gerada no final da segunda temporada pode ter gerado algum tipo de "viagem" também). E mais: os coelhos não podem se ver para evitar um colapso no espaço/tempo (tipo "De Volta para o Futuro"). Parece uma loucura exagerada, mas não dá para dizer que isso não se encaixaria com as revelações da última temporada.

E, além do retorno do Michael (que já é certo - ele inclusive participou do painel na Comic Con), já se fala que Forest Whitaker pode fazer uma participação na série e o personagem Richard Alpert deve ficar de fora ou não ter uma participação muito expressiva, já que fechou contrato com a concorrente CBS para participar de uma nova série, chamada "Cane". E Peter Stormare, o John Abruzzi de "Prison Break", pode ser um novo integrante fixo do elenco.

Nenhum comentário: